Minha Família Fora do Armário

"Entre, fique à vontade, sinta-se em casa! Não há o que temer, nossa família está feliz com a sua presença. Não se preocupe, não vamos impor nosso amor, vc é livre para amar quem quiser. Doença? Não, não é, nem é contagiosa, por isso mesmo não tem cura. Qualquer tentativa nesse sentido só vai revelar seu preconceito e aumentar a violência de que temos sido vítimas. Crime? Também não é, a não ser que vivêssemos em sociedades arcaicas ou regimes totalitários como em certos países da África e do Oriente, onde o desrespeito aos direitos humanos é institucionalizado. Mas, felizmente estamos no Brasil, que é um país democrático onde podemos escolher de que lado desejamos estar: se do lado das forças que promovem a liberdade e a solidariedade, ou do lado das que investem em opressão e exclusão. Sim, fique à vontade, a escolha é sua.

Minha Família Fora do Armário é este convite a compartilhar um pouco do cotidiano de famílias formadas por pessoas LGBT. Podemos folhear seus álbuns e contemplar suas coleções de momentos íntimos, adivinhando algumas de suas histórias e estilos de vida. Como é próprio do humano ter medo do desconhecido, a familiaridade promovida aqui é estratégica no sentido de desmistificar fantasmas que ainda alimentam um certo imaginário a respeito de gays e lésbicas. As fotógrafas Tata Barreto e Renata Ferrer vêm, desde 2015, desenvolvendo um trabalho de inquestionável utilidade pública, realizado de forma visceral e com firme comprometimento ético. Trata-se de uma questão que necessita amplo debate, urgente no contexto nacional ameaçado pela cassação de direitos civis, pela onda de censura falso-moralista e pelos tristemente já tradicionais crimes de ódio insuflados pela intolerância."

(Simone Rodrigues - curadora)

A exposição estará em cartaz de 29/11/2017 até 25/02/2018 no Centro Cultural da Justiça Federal do Rio de Janeiro, de terças à Domingos de 12:00 às 19:00.

#ensaiodegestação #culturaLGBT #AtivismoLGBT #samesexphotography #samesexfamily #FotografiaLGBT #nossafamiliaexiste #Trans #fotografiadefamíliaLGBT #famíliaLGBT #gay #lésbicas #doispapais #fotografiadefamília #twomoms #Twodads #lesbiansmoms #LGBT #duasmamães #Homemtrans